Black Friday Kick Off

Black Friday Kick Off

Black Friday 2019: você está preparado?

Falta pouco mais de um mês para a maior data promocional do e-commerce brasileiro. Para pôr fim aos preparativos e dar início à contagem regressiva, a Braspag realizou em 10 de outubro, em parceria com a Elo, o Black Friday Kick-off 2019 – evento que reuniu lojistas, parceiros e jornalistas para discutir estratégias para a Black Friday e abrir novas possibilidades de negócios, além do tradicional happy hour.

O Black Friday Kick-off contou com palestras de Tiago “Doc” Luz e Bruno Nardon que trouxeram dicas para alavancar os negócios.

Uma delas é incentivar o cliente a comprar dois produtos para que a Black Friday seja lucrativa, assim o lojista pode dar desconto no segundo produto. “Black Friday é uma conta de margem”, afirma “Doc” Luz.   Ele também aponta que os produtos precisam fazer sentido entre si, ter uma relação para que o consumidor fique engajado a concluir a compra.

Além disso, ações básicas como deixar a página mais simples e ágil, tirando botões de redes sociais para evitar que o cliente saia do site da loja ou que fique muito pesado. É recomendado também eliminar a seção “quem viu outros produtos” e deixar as categorias agrupadas da forma mais clara possível na home, inclusive, utilizando fotos de categorias para atrair o consumidor ao invés das fotos de produtos.

Outra dica é utilizar uma frase que provoque o consumidor quando ele desejar sair do site, por exemplo: “não gosto de desconto”. Além disso, após a conclusão da compra, utilizar gôndola para produtos com valor abaixo de R$ 50,00 para o cliente adicionar ao carrinho de forma rápida, sem opções de escolha de cor.

A experiência do consumidor durante e após a compra também é fundamental. Descrições claras dos produtos, diversas formas de pagamento, navegação simples e ágil, checkout facilitado e entrega no prazo e personalizada são alguns fatores que farão diferença e possibilitarão que o cliente volte mais vezes. “E-commerce é preço ou gosto. Se é gosto, foto tem que ser grande. Se é preço, descrição precisa ser boa”, diz.

Inclusive, fazer o cliente voltar a comprar no site é um dos melhores resultados que a Black Friday pode proporcionar. “Envie cupons com 10% de desconto e envie notificações para que ele lembre que tem prazo para usar esse cupom”, explica Doc.

Para não perder para a concorrência, Doc aconselha a não enviar e-mails antecipadamente informando os produtos que estarão com desconto e nem deixar para fazer upload das promoções na última hora. “A internet estará congestionada e o risco de ter problemas é muito maior”, afirma. Utilizar recursos externos como o Waze e até o jogo Pokemon Go para atrair consumidores para lojas físicas também é uma boa pedida. “A maior parte dos consumidores está guardando dinheiro desde o meio do ano para comprar na Black Friday. É preciso aproveitar isso”.

Bruno Nardon trouxe ideias para alavancar o negócio, que podem ser utilizadas além da Black Friday. O executivo falou de growth 4.0 e que é necessário analisar qual é o público-alvo do negócio, qual a dor que este resolve e qual o tamanho desta dor para medir o valor do negócio. Outro ponto é medir o custo de aquisição de cliente avaliando quais são os canais de distribuição e somar o custo de vendas com o custo de marketing e dividir pelo número de clientes que adquiriram o produto ou serviço.  Esse custo do cliente será maior ou menor de acordo com o modelo de rentabilização e, após a compreensão destes itens e os devidos ajustes, a empresa deve apresentar um crescimento exponencial.

Nardon também apontou a importância das três alavancas do sucesso, definidas por Jeff Bezos (fundador e CEO da Amazon) como: preço, portfólio e serviços e que essa regra vale para qualquer tipo de negócio. Assim como as três frentes para se olhar no negócio: aquisição do cliente, monetização ou conversão e retenção (de clientes). É fundamental oferecer uma única oferta de valor para o cliente para se destacar perante a concorrência.

Para a Black Friday, em especial, Nardon indica que é essencial otimizar as etapas do processo de compra e dar mais atenção para os clientes que mais compram no estabelecimento, os chamados “campeões”, segundo ele. “É com esses clientes que você pode contar quando lançar novos produtos e serviços e até pedir opiniões. Eles precisam ser tratados de forma diferenciada e receber descontos e promoções”, explica.

Por fim, Nardon alerta a importância de compreender a persona desse tipo de cliente e avaliar como eles foram atraídos para o negócio, bem como os demais perfis. “Assim é possível definir as promoções com mais assertividade”, diz.

E você, já conhecia alguma dessas dicas? Tem aplicado no seu negócio? Elas são essenciais para o seu crescimento e da sua empresa e a Black Friday é uma excelente época para isso. Você está preparado?

 

*Tiago “Doc” Luz é CEO da TOTVS Virtua, fundador da DOCLUZ, co-fundador da Infracommerce e 33e34, CDO da Shoulder e Aramis e sócio da VTEX.

 **Bruno Nardon é sócio e co-fundador da Gestão 4.0, Rappi Brasil e Kanui.com.br, além de investidor anjo em mais de 15 startups.